8 Dicas para deixar as unhas cuidadas no ambiente de trabalho



A preocupação com a estética no meio profissional vai muito além da pele maquiada e do cabelo arrumado. É necessário se atentar também às unhas cuidadas no ambiente de trabalho, já que as mãos estão frequentemente expostas e podem dizer muito sobre sua personalidade.

As opções de esmaltes, adesivos e técnicas para as unhas são cada vez maiores, e isso pode confundir a relação entre o que é aceitável no trabalho e o que destoa completamente daquele ambiente. Veja quais são as principais recomendações para manter as unhas impecáveis.

Dicas para manter unhas cuidadas no ambiente de trabalho

Aquele papo de que a aparência é nosso cartão de visita não poderia ser mais verdade, e infelizmente as mulheres são as mais cobradas nesse sentido. No mercado de trabalho é preciso se atentar a códigos de postura e vestimenta para garantir a presença dentro das empresas.

E isso se estende às unhas, que fazem parte do visual completo feminino. Se você não costuma prestar atenção nelas, tome cuidado.

Higiene é essencial!

Independente de você deixar as unhas curtas ou compridas, pintadas ou sem esmalte, é essencial mantê-las limpas! Elas acumulam sujeira por baixo e isso fica aparente, deixando o visual feio e, convenhamos, nojento.

O básico já é suficiente: limpe os cantinhos e por baixo com um palito sempre que perceber resíduos, lave as mãos regularmente e hidrate as cutículas para não ressecar. Isso deixará as unhas limpas e com outra cara.

Deixe as unhas curtas e com base

Se você não tem o hábito de fazer as unhas, mantenha-as sempre lixadas curtas e com uma base fortalecedora para dar brilho. E atenção com as cutículas: faça regularmente para não ficar “despelando”.

Evite unhas roídas e cutículas “despelando”

Acredite, seu futuro chefe e o pessoal do RH reparam nas suas mãos durante uma entrevista de emprego, e as unhas roídas praticamente entregam que você é uma pessoa ansiosa e com dificuldade para lidar com pressão.

Já a pele no cantinho até é normal, mas em excesso demonstra desleixo e falta de preocupação com o próprio visual.

Não deixe o esmalte descascar ou perder o brilho

Depois de alguns dias, o esmalte começa a sair na ponta das unhas. Quando isso acontecer é hora de remover, pois especialistas afirmam que o esmalte descascando é ainda pior que as unhas sem esmalte e demonstra total falta de comprometimento com o visual.

Quando o esmalte perde o brilho e fica com cara de velho, também é hora de dar tchau, pois passa a impressão de falta de senso crítico e procrastinação. Mesmo que demore para pintar novamente, remova todo o esmalte, lixe e passe uma base para manter as unhas cuidadas no ambiente de trabalho.

Cuidado com as unhas muito compridas

As unhas compridas não são permitidas em algumas áreas, como saúde e gastronomia, e em outras é necessário parcimônia, pois podem atrapalhar e até machucar. Imagine, por exemplo, que você trabalha de babá: quais as chances de arranhar a criança sem querer durante uma brincadeira?


Esse tipo de unha também não é recomendado para quem faz trabalhos manuais, como artesanato e bijuterias. Nesse ponto, é necessário ter bom senso.

Para mulheres em cargos de chefia e liderança, esse tipo de unha passa uma imagem autoritária e de superioridade.

Nail arts: sim ou não?

Depende de dois fatores principais: a área que você atua e qual desenho será escolhido. No geral, apenas ambientes mais informais e despojados aceitam as nail arts, com exceção de desenhos delicados, como uma florzinha ou coração em apenas uma unha de cada mão.

Ainda assim, em locais que permitem a decoração nas unhas, vale o bom senso. Visual muito carregado e exagero não é bem visto e fica cafona. E dependendo do desenho, ainda passa uma imagem de pessoa imatura e infantil.

Se você tiver um cargo de chefia e liderança, é melhor passar longe dos desenhos para unhas cuidadas no ambiente de trabalho. De resto, siga a regra do “menos é mais”, e prefira aqueles que não chamam mais atenção que o resto do visual.

Cores liberadas

Com exceção das área de saúde e cozinha em que o código é não usar esmalte ou, no máximo, cores muito claras, está liberado passar esmaltes coloridos.

Para ambientes formais prefira os clássicos neutros e fechados, como vinho, tons de marrom e vermelho queimado, rosa, branco e nude. Na dúvida, invista na boa e velha francesinha, ou até na inglesinha, desde que com cores tradicionais.

Mulheres que atuam em áreas mais despojadas, como moda, comunicação e design, podem apostar nos coloridos mais berrantes, como azul, verde, amarelo, vermelho, rosa chiclete, laranja, etc. Só não esqueça de manter as unhas cuidadas no ambiente de trabalho.

Siga o código de vestimenta da empresa

Todas as dicas anteriores não servirão para nada se você não seguir as regras estipuladas pela empresa para o visual. Bancos e escritórios, por exemplo, costumam prezar pela discrição, principalmente quando a funcionária trabalha com atendimento ao público.

Se a empresa não determinar nada, vale prestar atenção à maneira como as colegas de trabalho se arrumam. Ainda assim, se tiver dúvidas, consulte o RH da empresa.

Unhas cuidadas para entrevista de emprego

Se já é importante manter as unhas cuidadas no ambiente de trabalho, imagine, então, quando você está sendo avaliada por inteiro. Nas entrevistas de emprego é essencial seguir alguns critérios para ganhar pontos com os recrutadores:
  • Mantenha as unhas lixadas curtas, de preferência em formato quadrado ou oval;
  • Passe uma base ou esmalte clarinho para dar um ar de limpeza;
  • Se for à manicure antes da entrevista, escolha cores sóbrias e únicas para passar a sensação de profissionalismo;
  • Faça as cutículas e evite roer as unhas;
  • Fuja das nail arts e evite esmaltes cintilantes e com brilho;
  • Cuidado para não lascar ou descascar o esmalte.



Comentar

11 − 6 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.